Lar, doce lar

Voltei. Ontem, depois do vôo mais longo e mais curto da minha vida: supostamente 1h20 minutos de Salvador à Brasília, leia-se inferno na terra (ou nos ares), porque viajar low-cost está ficando cada vez mais insuportável. Acho que comecei a desenvolver alguma espécie de claustrofobia depois desse vôo sensacional. Sem falar que tive de levantar às 4 da matina pra pegar um vôo às 7 (nem pergunte…). Chegando aqui, o fim de semana foi tão arduamente ocupado que eu somente vou descansar dentro de alguns minutos, quase 48 horas depois. Não aguentei. Tive que vir aqui, reclamar.  

Em breve, melhores posts. Agora, bed time.

Anúncios

One thought on “Lar, doce lar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s