Manual: Como entrar na onda do colorblock sem parecer fã do Restart?

Este post é para vocês que curtem um estilo básico, clássico, mas também gostam do que vêem nas vitrines para este verão que está chegando. Você vê aquele monte de roupa colorida e fica imaginando que é IMPOSSÍVEL sair de casa desse jeito sem parecer louca e desenfreada. Mas calma, isso é só a primeira impressão. Claro que, como TUDO nesta vida, bom senso nunca é demais. Se você se olhou no espelho e se sentiu vestida pro carnaval, então volte e troque de roupa, né?

Você que está morrendo de vontade de usar aquela calça colorida, mas fica com medo de parecer o Tiririca ou ser confundida com uma fã do Restart, seus problemas acabaram! Separei algumas idéias pra você entrar nessa onda linda e colorida do colorblock e sair colorblockando feliz da vida, sem pagar mico.

Dica 1. Escolha peças super lady-like. Ou seja, MUITA feminilidade e leveza nessa hora!

Dica 2. Dobre a barra da sua calça colorida. Suba a barra das canelas e ganhe um charme “anti-restart”.

Dica 3. Experimente acessorizar! Bolsas e sapatos chamam menos a atenção do que peças maiores!

Imagens via Pinterest.
Anúncios

Um velho truque

Estilo não tem idade. Por isso, um velho truque pode ser muito útil pra dar uma atualizada no look casual masculino: dobrar a barra da calça. Fica MUITO estiloso. Mas não adianta só dobrar a barra da calça (principalmente se a barra estiver grande), tem que aparecer um pedacinho da perna!

Vale ressaltar que para a próxima primavera/verão (a do ano que vem ainda, não essa!) a Gap apostou neste truque para TODOS os seus looks masculinos. Até nas BERMUDAS eles dobraram as barras! Não sobrou uma pra contar história. Todas dobradinhas.

Olha só que bons exemplos…

Imagens via Gap.com.

Wishlist: Colorblocking na mão e no pé.

Não, não é esmalte. É BOLSA na mão e MOCASSIM no pé!

A coleção de verão 2012 da Santa Lolla me deixou passando mal… Uns mocassins muito fofos, símbolo de conforto em qualquer estação. Não gosto daqueles mocassins durões, mas esses molinhos me conquistaram! Ainda mais nessas cores maravilhosas! Já desejei todos! E as bolsas??? Uma de cada cor pra mim, por favor! Senhor, faz o milagre da multiplicação na minha conta bancáriaaaaaaa!!!! #pobrefeelings

Já entrou pra lista de desejos, claro! s2

Imagens via http://www.santalolla.com.br

Noiva de algodão

Coisa mais linda esse bouquet de algodão. Super combinou com este vestido, que mais parece de fada… Ficou etéreo. Não acho que esse vestido seja recente, mas tá bem atual com essa tendência de mullet dress pelos tapetes vermelhos da vida.

Eu tentei fazer um esforço pra lembrar de quem é este vestido (tem uma vibe Claire Pettibone e Jenny Packham, mas não acho que seja), só que não consegui! Se alguém souber, me avisa.

Pulseirinha de bem-nascida

Adoro charmbracelets (aquelas pulseiras de ouro, prata ou couro com pequenos pingentes pendurados – os charms!)! São tão femininos e podem ser acessórios extremamente pessoais, quando encontramos um cujos charms tenham a ver com a gente. Mais legal ainda é poder PERSONALIZAR seu charmbracelet! Isso sim é luxo. Luxo esse que a famosa joalheria dinamarquesa Pandora dispõe ao nosso alcance! Quer dizer, ao alcance de todos interessados em pagar a partir de 80 reais por berloque! Ou seja, facilmente essas pulseiras aí da foto ultrapassam os 600 reais. Não é barato, mas é jóia e é lindo! Namorados, noivos, maridos: olha a dica de presente aí!

Se eu fosse rica e pudesse gastar a bagatela de 80 reais por berloque numa pulseira cujo propósito é ter vááááários berloques, provavelmente gastaria, porque dinheiro na minha mão é vendaval porque essas são muito lindas!

A boa notícia é que se a chiquérrima Pandora não está pro seu bolso, uma joalheria um pouco mais humilde tipo a Vivara (tá, pode rir…) acabou de lançar uma coleção de pulseiras e colares com mais de 200 tipos de berloques para enfeitar: é a Life by Vivara. Pra você escolher um berloquinho pra cada momento da sua vida bem-nascida! hehehe…  São igualmente lindos e saem um pouco mais em conta: berloques a partir de 50 reais, sendo que a pulseira de prata custa 190 reais e o colar de prata sai por 260 reais. O preço é mais amigável, né?

Beyoncé fazendo a noiva!

Beyoncé resolveu se vestir de noiva (e de lingerie bridal também, aliás) no vídeo da música “Best thing I never had”. O vestido faz a melhor linha diva, com direito a tiara oversized e até um casamento ao ar livre (com noivo lindo, véu esvoaçante e festaaaa!)! Amei!

Na vida real, Beyoncé casou em 2008 com o rapper Jay-Z. Será que teve um pouquinho a ver com esse casamento do vídeo? Como não temos fotos da vida real, vale a pena conferir o vídeo lindo dela brincando de noiva.