Han?

Estava eu navegando pelas notícias do canal UOL e me deparo com uma enquete da Scientific American Brasil (“a ciência como você nunca viu”). De onde saem esses 737 votos para as duas primeira opções eu não sei. Provavelmente são os mesmos que votariam pelo “Sim, ótima idéia” nas enquetes “Que tal recolonizar o mundo com dinossauros novamente?” ou “Você gostaria que o Jurassic Park fosse de verdade?”

enquete1.JPG

Parabéns à Scientific American Brasil pela enquete extremamente edificante. Haja criatividade. Mas se me pararem na rua pra perguntar se eu sou a favor dos mastodontes serem reintegrados à fauna brasileira (e sabe lá Deus de onde eles vão tirar esses mastodontes) … eu acho que vou recolher-me à minha ignorância e rir.

As bizarrices que te trouxeram aqui nos últimos 7 dias

Tem uma ferramenta muito interessante no WordPress, chamada de “Termos de motor de busca”, que basicamente quer dizer “o que as pessoas digitam no google antes de cair aqui no blog”. É uma coisa muito engraçadinha, pra ser sincera.

Se meu blog falasse só de pornografia, provavelmente não teria tantos acessos quanto tem hoje. Pasmem, mesmo não falando de sexo, de todos os termos que as pessoas digitaram no google antes de clicarem no meu blog, “sexo oral” liderou os termos em 6 dos 7 dias! Ou seja, 90% das pessoas que visitam acidentalmente o meu blog não estão exatamente interessadas em ler o conteúdo dele. E sim em sexo oral! Oh, céus. Será que se eu começar a realmente escrever sobre isso as visitas triplicam? Que bizarro! Na realidade, eu nunca nem cheguei a falar sobre sexo aqui. Não que eu seja contra o assunto (ha-ha, longe de mim!), mas simplesmente não veio à tona. Quando fui pesquisar nos arquivos, as visitas são todas por causa de uma menção que fiz ao péssimo filme Brown Bunny, em que a atriz Chloë Sevigny fez uma cena de sexo oral no ator/diretor do filme, totalmente dispensável. Ou seja, na única vez em que comentei sobre sexo oral aqui, eu nem recomendando estava… E, mesmo assim, as pessoas clicam e entram aqui no blog! Claro, depois de verem do que realmente se trata, nunca mais voltam, provavelmente. Hehehe…

No segundo lugar do ranking de bizarrices que trouxeram os leitores até aqui na última semana, ficou nada mais nada menos que… Britney Spears! Olha só, eu mencionei a doidivanas Britney somente uma vez aqui no blog, se não me falhe a memória, e até hoje ela me rende algumas dezenas de visitas diárias. Será que ninguém cansa dessa mulher? Ainda há o que falar? Tudo bem, tudo bem… Eu sei que aquela apresentação no VMA’s realmente deu muito o que falar. E foi de dar dó! Mas nós vivemos nessa agonia espetacular de saber sempre da vida dela, acompanhando cada foto de paparazzi como se fosse o último episódio da temporada de Malhação! Cruel, né? Não é à toa que a ex-princesinha do pop farofa perdeu a noção do ridículo. 

Pronto, acho que agora essa foi a primeira vez em que eu realmente escrevi alguma coisa sobre Britney Spears e sobre sexo oral, diretamente mesmo. Peraí… Britney Spears e sexo oral no mesmo post??? Isso sim vai render um milhão de visitas na semana que vem!!! Fiquemos no aguardo.

Sex and the city and the fashion…

A visionária-musa-inspiradora-de-todos-os-meus-looks-mais-ousados-em-todos-os-meus-sonhos, miss Patricia Field, não perde a mão. A figurinista que mais acertou a mão durante os anos da série televisiva “Sex and the City” está de volta, pra deixar a Carrie mais linda do que nunca! E dessa vez, numa tela muito maior que a da sua tv. Eba, fashionistas agradecem com lágrimas nos olhos!

Viciada? É, eu sou viciada na série. E ultimamente, quando a minha insônia ataca, assistir os dvds das temporadas me faz sentir no céu às 3 e meia da manhã, destrinchando looks e mais looks da senhorita Bradshaw numa New York ainda mais visualmente inspiradora. Ou seja, não é pelo sexo. Mas pela cidade, certamente. E os sapatos! Ai, os sapatos…

Para os que, como eu, estão roendo as unhas de curiosidade sobre o filme, algumas fotinhas já estão circulando pela internet. Será que as meninas da série continuarão esbanjando estilo? Patricia Field ainda acerta a mão? Ao que tudo indica, meus queridos, não ficaremos decepcionados! Confira abaixo a minha outra musa Sarah Jessica Parker como Carrie e seu eterno love Mr. Big, o ator Chris Noth.

carriebig.jpg

Bolsa de torre eiffel. Ok, dá pra perdoar… porque eu quero aquelas sandálias JÁ!!!!

Mais cool, impossível!

O calor é implacável na capital federal da nação. E infelizmente não temos praia pra aliviar. Pelo menos as piscinas ajudam. Teoricamente estamos no inverno, mas nossas temperaturas quase competem lado a lado com os altíssimos números do escaldante verão europeu (em Córdoba, por exemplo, as temperaturas chegam a absurdos 50º durante o dia!). Credo. Nessa onda de clima seco e umidade relativa do ar chegando a 15%, o jeito é ficar de molho na piscina. Se não há piscina, improvise uma na sua hidromassagem (ui!) ou, se o calor começar a te deixar biruta, vale alagar o banheiro e fazer a festa. Estou aqui, derretendo feito um picolé, batendo exatos 30º às 18hs e pensando em como uma bebidinha geladinha é maravilhosa nessas horas cruéis…

E quando você pensa que não há mais o que inventar nesse mundo, vem alguém e inventa o próximo objeto de desejo do momento. Dá pra viver sem, obviamente. Mas quem quer viver sem, diante de tamanha criatividade???? É um ultimato cool. Em todos os sentidos que a palavra cool pode ter!

Vamos beber com estilo, ok? Se é pra encher a cara, que enchamos também nossos copos com muito gelo em formato de… diamantes! Ora, não dizem por aí que os diamantes são os melhores amigos da mulher? Então, é normal não querer ficar longe das pedrinhas…

cooljewelsice_small.jpg

Já os loucos por música não precisam largar a guitarra enquanto tomam um drink. Agora eles ficam muito mais charmosos com esses stirrers com gelo em formato de guitarrinha. Eu quero já!

coolguitars_small.jpg

Ambos estão à venda pelo site da visionária fashion, miss Patricia Field, por simpáticos $10 dólares. E eles entregam em qualquer lugar. Oba!

Lar, doce lar

Voltei. Ontem, depois do vôo mais longo e mais curto da minha vida: supostamente 1h20 minutos de Salvador à Brasília, leia-se inferno na terra (ou nos ares), porque viajar low-cost está ficando cada vez mais insuportável. Acho que comecei a desenvolver alguma espécie de claustrofobia depois desse vôo sensacional. Sem falar que tive de levantar às 4 da matina pra pegar um vôo às 7 (nem pergunte…). Chegando aqui, o fim de semana foi tão arduamente ocupado que eu somente vou descansar dentro de alguns minutos, quase 48 horas depois. Não aguentei. Tive que vir aqui, reclamar.  

Em breve, melhores posts. Agora, bed time.

O melhor despertar da semana.

Foi o melhor despertar da semana, numa terça feira cinzenta e multicolorida. Uma coisa doce pra me fazer esquecer desse clima úmido e quente de Salvador que faz do meu cabelo algo entre Diana Ross e Chaka Khan. E olha que meu cabelo passa longe de ser afro. Obrigada MTV por passar excelentes clipes às 6 da manhã.

Mas sabe o que é mais engraçado? Eu não concordo mais com a letra. E tá tudo bem! Hehehe…

 Algumas pequenas impressões sobre Salvador: Está ventando alopradamente aqui em Rio Vermelho. Eu não sei mais pra quê trouxe escova de cabelo, se assim que boto o pé fora do hotel já estou parecendo uma versão morena e sem bigode de Albert Einstein. Se me perguntarem do que eu mais gostei por aqui, certamente não será o vento. Mas o trabalho tá intenso, e é uma pena não dar pra visitar pontos turísticos por aqui, como o Pelourinho. Mas também, mesmo que desse, é assim tão necessário? O legal da Bahia são os baianos mesmo, e seu sotaque cantado de Caetano e Ivete.

Há esperança (?)

Pois é, aqui estou eu em Salvador, e graças a Deus há wireless. Ou seja, provavelmente estarei muito mais pobre ao final desta semana maravilhosa, graças aos preços exorbitantemente salgados por 24 horinhas de conexão wireless do hotel. Mas tudo bem, é melhor do que ficar sentada assistindo a chuva na janela e alguma bobagem na tv.

E por falar em bobagem na tv, enquanto ligava o notebook, me deparei com a Wanessa Camargo no Faustão. Cantando Chain of Fools da Aretha Franklin. Eu sei, soa como um convite do inferno. Mas não foi exatamente isso. Não foi lindo, claro, mas também não foi vergonhoso. E tudo isso graças à capacidade da Wanessa Camargo de capturar minha atenção com seu new look. Cabelo chanel, vestidinhos em A curtérrimos e sandálias meia pata de tirar o fôlego. Sem falar do colarzinho à la Carrie Bradshaw que ela anda desfilando pra cima e pra baixo. No dela não está escrito Carrie, obviamente, porém Starlet. Olha, com tamanha mudança de visual, a filha breguete do sertanejo Zezé pode, definitivamente, vir a se tornar um ícone fashion brasileiro. Não um ícone de estilo, claro. Não é nada que qualquer stylist minimamente conectado à moda não faça. E nem pense que foi ela que escolheu aquele look, meu amigo. Não se iluda… Mas ela pode vir a refletir a moda atual de uma forma bem bacana aqui em terras tupiniquins, assim como as verdadeiras starlets americanas desfilam a moda nas ruas de lá. Assim tão fashion e antenada, dá até pra agüentar mais três minutos de Wanessa Camargo no insuportável Faustão. Será que há esperança para as crias sertanejas no mundo pop? Tudo é possível.

Wanessa na capa de seu cd de 2004: Do mais brega…

 wan5.jpg

…Ao mais fashion em 2007…

wan2.jpg

… com direito a colarzinho à la Carrie Bradshaw?

wan3.jpg

Há esperança??? Só Deus e o stylist da Wanessa sabem…

wan4.jpg